Marcadores

quinta-feira, 11 de novembro de 2010

INDECISO -SISO


Todo mundo conhece o terceiro molar como SISO.
 E é muito provável que seja a abreviação de indeciso, porém escrito com "s". Eu nunca ví um dente para dar tanto trabalho para nascer e sair completamente quanto ele. Quando ele nasce ainda nasce torto, dói pra caramba e nasce para ser arrancado!
Alguns chamam de dente do juízo, mas seria porque "siso" quer dizer seriedade? sisudo: pessoa que tem juízo.... Ou seria porque ele nasce entre 16 e 20 anos, época em que se está procurando o juízo?
Hum.. essa história me deu dor...
Terei que arrancar os quatro  terceiros molares... que dor!!!

sexta-feira, 29 de outubro de 2010

Alê Muniz e Luciana Simões


Quem ainda não conhece Criolina ?

Eu sou fã de carteirinha do trabalho de Alê Muniz e Luciana Simões.....
Essa dupla tem história pra contar. O ritmo contagiante, a mistura do mundo pop de Alê e do reggae do mundo de Luciana resultou no Criolina, que envolve diversas batidas que nos dá o sabor da cultura legimamente maranhense!
Buena vista, beira-mar...

 Os dois trabalhos já lançados pela dupla, o CD CRIOLINA do ano de 2006, revela composições dos dois e ainda parceira com cantores maranhenses.
Um Doce, um disco afinado à fogo!

O segundo, o CD -Cine Tropical nos remete muito à nossa São Luís por conter em quase todas as letras características maranhenses, com o diferencial criativo da sétima arte!
 Músicas contagiantes  e eu não sou vacinada! Sou tiete  mesmo!


A foto está muito clara, mas ainda é a única que tenho com eles!

Você pode baixar O Santo pela internet.

Alê Muniz e Luciana Simões comigo!

quinta-feira, 28 de outubro de 2010

Ele está chegando no Maranhão.... Carpinejar



  Peço licença ao querido Fabrício Carpinejar para divulgar nesse modesto blog sua foto. Mas é que eu não iria me perdoar se não utilizasse esse espaço que é MEU para contar pra vocês que o que eu tanto esperava vai acontecer.

  O Fabrício estará aqui em São Luís dia 18 de Novembro na Feira do Livro para para ministrar a palestra “Melhor o ciúme que a indiferença: a alegria das relações amorosas”. E como há tempos eu sonho em prestigiar o Carpinejar  assim frente a frente fica impossível perder essa oportunidade.
 Eu viajo todos os dias no blog do Fabrício Carpinejar e não fico cansada de ler suas crõnicas, elas são maravilhosas!

 Todos estão convidados a prestigiá-lo também!
 Espero vocês lá!

Jacelena Dourado

quarta-feira, 27 de outubro de 2010

ORAÇÃO




"Estou aqui, pra ser amado e te amar. Olhar nos olhos e deixar-me apaixonar. Diante de te, pra me render ao seu amor e confessar minhas fraquezas, sou pecador. também estou aqui, pra pedir perdão. E pelas almas que ainda não buscam teu coração."

 DEUS, grandioso Deus,
 Já falei muita coisa nesse blog, mas não tem nada dedicado exclusivamente à você...por que será? Confesso que nem eu mesma saberia responder. Eu te amo tanto e falho tanto com o senhor... Mas Você sempre está presente no meu coração, na minha alma e na minha vida, pois és a razão dela existir...

Agradeço por tudo!
São vinte anos meu Deus.... tenho muito a agradecer e sei que mais de 20 me aguardam.
Por isso peço que continue presente em minha vida e a abençoe....

Te amo!

terça-feira, 19 de outubro de 2010

O MEDO DO NOVO



 Porque será que  as pessoas encaram O NOVO com tanto receio e medo?

É aí que se encaixa o termo Xenofobia, que quer dizer medo/ aversão ao novo, ao diferente. É uma pena que muita coisa ainda seja encarada de maneira preconceituosa. É que as pessoas vêem as coisas novas e diferentes e já idealizam um conceito e uma  repreensão sem nem bem procurar conhecer de fato o que se "critica".

Cada  povo possui sua cultura e cada indivíduo sua identidade cultural. Não se pode interferir nisso e nem se deve criticar tal estilo por achar diferente e "estranho". Isso é preconceito, afinal o que é estranho para alguém, é o mais natural e comum para outro. Para que se possa criticar algo, você precisa necessariamente conhecer o objeto que se está criticando, não é mesmo? Então porque  criticar sem  entender e sem conhecer a ideologia que gira em torno desse tal "diferente" que se fala?

Saber respeitar as diferenças faz a diferença.

Se você não gosta de determinado tipo de música, é um direito seu, mas quem gosta tem o direito de gostar também. Prefiro não gostar sabendo o motivo e mesmo assim não criticando quem gosta, pois se alguém gosta gosta por motivos pessoais. Não tenho a obrigação de gostar, mas tenho o dever de respeitar quem gosta.

Ter medo do novo e ser avesso à tudo que não é comum para si, é tornar-se etnocêntrico. "


Somos todos iguais em direitos e cidadania e essa igualdade defende nossas diferenças" 

A LÍNGUA QUE NÃO CABE NA PRÓPRIA BOCA...


Tem gente que fala muito e por isso fala coisas desnecessárias.... É velho o ditado que diz que : "quem fala o que quer, ouve o que não quer".
As pessoas deixam que a língua estrapole e pronuncie o que era para ficar so na imaginação, só na cabeça e o resultado é um falatório sem controle e sem nexo.

Mas quando o caso é não ter literalmente espaço para a língua dentro da própria boca? Já imaginou?


Eu estava conversando com um amigo e obviamente ele perguntou  sobre o aparelho que estou usando. Fui contar que atrapalhava ao falar,  (ele disse: "percebi") pois a minha língua não tem espaço na minha boca. É isso mesmo, tem espaço para tudo que é ferro dentro da minha boca, acho que vou ter que cortar minha língua, porque ela está "sobrando".


Essa foi a melhor: minha língua não cabe na minha boca,  literalmente não tem mais espaço pra ela.

sábado, 2 de outubro de 2010

Aparelho ortodôntico!!!

Que desconforto!!!
Coloquei o aparelho móvel para o tratamento da DTM como havia postado abaixo...




Depois de ter ido ao consultório duas vezes e não ter conseguido colocar o aparelho, deu certo da última vez. Da primeira o aparelho não tinha ficado pronto, da segunda estava pronto, mas veio errado (que raiva!) e por fim da terceira deu certo! Colocamos o inferior e o superior...até ai tudo bem.

Ai agora vem as regrinhas: tirar para comer e beber qualquer líquido que não seja água... ficar com ele o maior tempo possível, inclusive e principalmente dormir com ele! Até aí tudo bem, eu faço o maior esforço e o impossível, pois quem sofre sou eu e eu sei "aonde o calo aperta". 

Mas quando o assunto é falar... me retiro de cena! É muito ruim, as pessoas não entendem e a gente se sente "babaca", falando que nem um "débil mental"... Todo mundo riu e todo mundo mundo vai rir, mas como eu mesma falei anteriormente, dói é em mim, então eu tenho que saber como reagir... Riam à vontade, juro que vou rir junto com todo mundo!! Rss (já to rindo).

Vou adotar papel e caneta para me comunicar na faculdade e como nem tudo pode ser 100%, às vezes tenho que tirar alguma parte (inferior ou superior), mas quando tiro a inferior consigo falar melhor, aí para trabalhar preciso falar com as pessoas as meu redor e também  ao telefone, logo sou obrigada a tirar uma parte ou todo, depende do caso... Ruím para a agilidade do tratamento, mas é um mal necessário!

Mas no fim de tudo eu acho bonitinho!!!


Riam de mim!!!



quinta-feira, 30 de setembro de 2010

Fabricio Carpinejar


Ontem eu fiquei taão felizzzz!!!
O meu livro Canalha! do escritor Fabrício Carpinejar chegou!!!
Vou devorá-lo aos pouquinhos, para não acabar rápido.


" Se ainda mantém esperança num homem, a mulher não o chamará de pilantra, de crápula, de cretino. Nenhum desses tipos tem possibilidade de conversa. Caso acredite realmente na salvação dele, dirá de uma única vez: CANALHA"....


Conheça o blog do Carpinejar e o blog da Cinthya Verri !!


Té mais!

sexta-feira, 24 de setembro de 2010

Ai que dor...É DTM (Desvio Temporomandibular)!!!




Eu tenho problemas de DTM




Há um ano e meio descobri que a minha mandíbula era meio estranha. Ela estalava, sabe? Estalava de uma forma engraçada e até que nem doía tanto... Daí fiz uma consulta e teria que usar um aparelho e fazer um tratamento caro e longo, mas eu relaxei e passei quase um ano sem nem ligar para o assunto que me incomodava só um pouco. É, mas o tempo foi passando e hoje percebo que o que estalava, já não estala e nem faz mais zoada alguma. E não pense que eu fiquei boa não, pelo contrário, eu piorei, e piorei muito!!! E agora dói até demais!!!


Quando fiz a minha primeira consulta com a fonoaudióloga, logo ela detectou o problema e disse: " Meu Deus... Menina, você tem que fazer tratamento urgente, você não consegue articular as palavras direito e deve ter uma mastigação péssima, que pode gerar sérios danos à sua saúde e você terá que usar aparelho....e tal tal tal..." Me assustou bonito!!!


1,2,3.... AÇÃO!!!


Voltei ao consultório agora, só agora:  um ano depois de ter ido pela primeira vez e a minha especialista em dor orofacial examinou , abriu minha boca daqui, dalí, massageou... Ai! Como doeu! Ela explicou que o disco que ajuda a movimetar a madíbula está gasto, logo ele não está mais "estalando", ele foi e não voltou mais... entende? Está parado e dificultando cada vez mais a movimentação. Você sabe o que isso significa dizer? É, agora são só dores e mais dores... Falar, comer, bocejar, seja qualquer esforço, já não me é mais permitido com tanta facilidade.


Resultado: TRATAMENTO URGENTE  E OBRIGATÓRIO, PARA NÃO CORRER RISCOS DE FICAR SEM DENTES!!!


Pra começar fui fazer a documentação ortodôntica. Raio-X daqui, raio-X dali. Panorâmica especial da ATM e aquele molde horrível com uma massa gelada que abriu minha boca excedendo os meus limites. Ai, que dor!


Depois voltei e levei a documentação para ela analisar e ela me explicou que  irei usar um aparelho móvel e muitas sessões de fisioterapia e outras especialidades feitas por ela para normalizar a minha mandíbula..tadinha!!!






 Posteriormente irei arrancar os quatro terceiros molares ("siso"), pois no momento não tenho condição alguma de extraí-los sem poder abrir a boca direito. Depois que estiver tudo "normal", irei usar o aparelho fixo , para colocar cada dente no seu devido lugar. Eles estão muito indisciplinados!!!


 Enfim, na segunda-feira colocarei o aparelho móvel e faço a primeira sessão...volto aqui para contar! Quanto sacrifício!





sábado, 18 de setembro de 2010

Martelando na cabeça.....


Um assunto me trouxe até aqui hoje... Algo que ficou martelando algum tempo na minha cabeça esses dias. Eu acho interessante como as pessoas observam o comportamento das outras e interpretam, por vezes, da maneira que lhes convém e isso não deixa de ser um prejulgamento de algo e isso tem consequências terríveis...


Bom, vamos ao assunto em questão. Uma amiga veio conversar comigo e me chamou atenção sobre uma suposta mudança de comportamento vinda de mim, assim: DE REPENDE!!!


 No início achei aquilo muito estranho, pois as únicas coisas que eu percebi ter mudado foram: o cabelo e também de emprego. Hum!!! Sim, o emprego... Ela falou que desde que mudei de emprego ( pedi DEMISSÃO do EMPREGO que  não era na área que escolhi para um ESTÁGIO na área escolhida) estou diferente, que minhas palavras, meus gestos mudaram... E eu até compreendo que as pessoas possam interpretar que seja por isso, pois como todos buscam uma brecha no mercado e alguem do convívio já conseguiu,( ainda que um simples estágio...) faz sentido.


 Mas sempre comento coisas relacionadas ao trabalho de forma a expandir o mínimo dos mínimos conhecimentos que estou adquirindo. Nossa! Que balde de água ela me jogou...sem talvez perceber... Fiquei reflexiva, mas mais por exigir que devo me auto observar mais... Certo!!! Com isso fui entendendo o que ela, como amiga, estava querendo me dizer! Mas até agora não consegui interpretar da mesma forma que ela e outras pessoas, segundo ela, também observaram... Sei, que sempre falo muito,pode ser que eu tenha expressado demais minha opinião em muita coisa... Será? Pode ser...




De fato, não me sinto mudada nesse aspecto em que ela colocou... Mas percebo que tenho sido mais crítica com as coisas e as pessoas ao meu redor e talvez por isso tenha falado demais e as pessoas não estivessem preparadas para "ouvir".. Mas, vai entender se eles se equivocaram com minhas colocações ou se sou eu que estou falando demais...


Enfim, não estou procurando me justificar em aspecto algum, estou só falando um pouco e tentando decifrar o que tanto martela na minha cabeça.

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Abraçar o mundo


Eu pesava que pudesse abraçar várias causas ao mesmo tempo, no entanto me deparei com uma extrema correria.

Eu achava que pudesse ser eficiente em tudo aquilo que eu estivesse me responsabilizado a cumprir, porém, percebi que fiquei responsável por fazer coisas demais.

Eu tenho sede de resolver tudo que aparece à minha volta, e por insistência minha me ponho a fazer muitas coisas ao mesmo tempo. E no fim me aparece uma grande frustração: a de perceber que os resultados poderiam ser melhores em todos eles se eu me dispusesse de tempo e não apenas de vontade!

Mas eu me sinto feliz em fazer pelo menos um pouco daquilo que eu gostaria, e triste por não poder dar o melhor de mim em tudo que faço.

Enfim, ninguém tem uma vida perfeita!!!!

E todo dia é dia de mudança... toda hora é hora de rever os conceitos!!!

terça-feira, 24 de agosto de 2010

Sobre o pianista Marcelo Bratke


Nossa, como é bom viver cultura, ouvir bons sons e sintonizar energias fantásticas!!!


Assim, foi minha experiência na última quarta feira (18/08) aqui em São Luís. Tive o privilégio de ir à orquestra apresentada por Marcelo Bratke e uns jovens músicos eruditos populares em homenagem a Ernest Nazareth.


 Apesar de gratuita, a apresentação única não lotou o Teatro Arthur Azevedo, fato este que me despertou certa tristeza, pois uma orquestra de alta qualidade, com um pianista brasileiro bem conceitudo mundo afora, e não tendo a desculpa de "estava caro"  era de se esperar que todos quisessem prestigiar.  Bom, mas EU FUI!!! E iria novamente! 


Devo confessar que me senti meio extraterrestre ao perceber que nunca havia tido um contato tão próximo com a música como tive recentemente, pois ter a oportunidade de trocar idéias com Marcelo Bratke e com os jovens que hoje vivem de música, e conhecer um pouquinho da história deles, não tem preço!


 O trabalho de Bratke é diferenciado pelo fato desse resgate que ele faz com jovens que até então não tinham perspectiva com a música. Esse trabalho entre música e resgate social resulta numa incível valorização cultural social.


Parabenizo Marcelo Bratke pela iniciativa e agradeço por ter conseguido prestigiar o seu trabalho aqui no Maranhão e que eles voltem mais vezes!!!

segunda-feira, 26 de julho de 2010

Vida que é vivida!!!!



Quantas vezes já paramos para pensar na vida que levamos e nos deparamos com tanta coisa que ela já nos fez passar: enchentes, terremotos, alegrias, dúvidas, problemas, satisfações, novidade, embaraços...

Meu Deus, quanta coisa acontece em nossas vidas diariamente... Agente aprende ou  não aprende..As vezes é necessário passar por tudo de novo para aprender a lidar com certas situações...

Eu fico pensando no quanto já passei e imaginando o quanto ainda terei que passar... 

Viver não é fácil....sobreviver é mais fácil!

Sabemos da necessidade que se tem de colocar Deus acima de tudo, mas porque muitas vezes não fazemos isso? Vai saber...Quanta displicência!!!

É natural nos arrependermos de muitas coisas que fizemos, ruim é se arrepender de não ter feito!!

O segredo é levar a vida antes que ela te leve embora.....




"O segredo não é correr atrás das borboletas, mas cuidar do jardim  para que elas venham até você" não é mesmo , amiga? 
http://liamarizia.blogspot.com/

sexta-feira, 16 de julho de 2010

Mais um ano de vida!!!



Aprendi que amigos são reconquistados a cada dia e que sempre estão presentes em nossas vidas, através de nosos corações....
Hoje estou muito feliz por completar mais um ano de vida e por poder olhar para tráz e ver que tudo que fiz valeu a pena... E que ainda tenho muito o que conquistar....
Estou feliz!!!
Sempre focando meus objetivos com o pensamento centrado na vontade de DEUS...ele me guia e me governa...e que seeja feita sempre a vontade de DEUS!!
Parabéns pra mim!!!
PORQUE HOJE O DIA É TODO MEU!!!!!
Hehehe!!!

quarta-feira, 7 de abril de 2010

DIA DO JORNALISTA


Jornalismo: que bela missão!!!

       Nós Jornalistas fazemos um papel muito importante na sociedade, ou pelo menos é o que deve ser. Informar às pessoas é um exercício que requer responsabilidade. Procurar as fontes, checá-las e saber passar  informações de qualidade a todos que estão ali à espera é tarefa cautelosa e tem que ser eficaz.
Assim segue o jornalista, tentando driblar as falsas notícias para poder passá-las correta e claramente aos que estão prontos para recebê-las. 
Levando em conta Ética, Profissionalismo e Competência, o jornalista encara muitas dificuldades para concluir seu trabalho dignamente. Não é fácil. Mas para quem não conhece o verdadeiro sentido de ser jornalista e como ser um jornalista de verdade, fazer o jornalismo se torna apenas uma fonte de sobrevivência, uma forma de ganhar dinheiro, nem que para isso se faça uso de meios impróprios.
Mas o diferencial está naquele profissional de jornalismo que consegue exercer sua profissão também com satisfação pessoal.
Parabéns a todos os jornalistas: que nada desanime essa grandiosa profissão e os grandiosos profissionais!!!
E uma grande saudação para todos aqueles que estão buscando tal profissão!!

O jornalista tem que abraçar os fatos com cuidado, investigação, ética, agilidade e imparcialidade, assim transformando-os em NOTÍCIA!!!

Por Jacelena Dourado!

segunda-feira, 29 de março de 2010

--> FLAGREI:

Hoje de manhã eu estava caminhando rumo ao meu local de trabalho quando meu olhar foi direcionado para essa imagem.
Não perdi tempo e registrei no celular mesmo... Foi um momento rápido e suficiente para causar um transtorno, pois o trânsito ficou impedido e os passageiros tiveram que descer sem ter nojo de pôr os pés na água ("lama").
Um buraco camuflado em meio a um aguaceiro.... 
Nossa cidade é bela, mas falta cuidado de muitas partes e o que pudermos fazer por essa ilha magnética devemos fazer...

São quase 400 anos de "vida".... 
SÃO LUÍS- Maranhão

 Por Jacelena Dourado... Confira no imirante.globo.com:

Inspiração nunca mais...????





Nunca mais me veio inspiração....
A vontade de escrever está comigo todos os dias, mas não tenho sobre o que escrever, o que será que está acontecendo?
Meu Deus a única coisa que me vem à mente é escrever sobre a inspiração que me falta....
Como eu queria todo dia passar por aqui e contar novidades, falar de muitas coisas, postar uma poesia ou algo assim..
Mas essa querida e digníssima inspiração que me falta... como faz falta!!!
Até mais, volto assim que ela voltar!!!


quarta-feira, 17 de março de 2010

Tudo isso é meu....



Meu medo de escuro...
Meu medo de andar sozinha nas ruas...
Meu medo de algumas pessoas...

Meu medo de não sonhar
Minha vontade de realizar..
Meu sonho de sonhar!!!

Meu medo de sonhar e não alcançar....
Meu medo de Viver e não Sonhar!!!!





By Jacelena Dourado

terça-feira, 16 de março de 2010

LÁGRIMAS....



Lágrimas...
Chorar... Por quê?
Chorar por estar triste ou por estar alegre... Depende da situação...
Uma vez eu estava tão feliz que saia lágrima dos meus olhos, nesse caso era uma felicidade recheada de emoção...  Isso mesmo, meus olhos estavam suando de emoção!!!
Em outra ocasião perguntei a um amigo: porque você está tão suado? Ai ele respondeu: Ah estou feliz e emocionado por isso estou suado...
Então eu fiquei pensando muito sobre o assunto...
E concluí com palavras de poeta, palavras e pensamentos modestos: A lágrima é o suor dos olhos e o suor são as lágrimas do corpo...
Não tente entender apenas reflita um pouco....
By Jacelena Dourado

quarta-feira, 10 de março de 2010

O dia é da MULHER....

Que dia mais maravilhoso...
Dia de receber elogios e desejos de coisas maravilhosas... 

Todo mundo já está cansado de falar as mesmas coisas: que mulher é filha, mãe, esposa e tantas outras coisas...Concordo, mas, a mulher é muito mais que tudo isso que estamos acostumados a ouvir...

E eu só queria mesmo parabenizá-las e dizer que mulheres são um pouco homens, um pouco crianças , um pouco de tudo e em tudo que se dedicam são nota 10 !!!
Quanta responsabilidade!!!

        E eu sou mulher também!!!

       POR:   Jacelena Dourado em  08/03/2010!!!

quinta-feira, 4 de março de 2010

QUANDO UM NÃO QUER, DOIS NÃO O QUÊ???


  Um ditado mais do que popular que querendo ou não é cheio de certeza.
   Mas imagina só: alguém tirando outro do sério e provocando até conseguir levar "para a porrada"!?
   É fácil ser passivo numa situação como essa? É como passar por um lugar e ouvir alguém falando bem de você, é algo sedutor, pois você não pode ficar indiferente após ouvir algo assim...
  Sua bola vai encher, assim como se alguém te provocar ele encherá até explodir!!! 
  E daí quando explode: saia de baixo que o pior pode ocorrer. Para toda ação há uma reação!
  Então se eu não quero brigar e você me provoca....
  Ah, sei não, mas não respondo com sã consciência.....







quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

A-MAR-GO MAR...

Óh mar amargo
Amargo mar...
Teu ínicio é tão distante 
Que daqui não posso enxergar...´

És amargo porque tuas águas 
Para mim não podem parar...

Segura tua onda que eu quero te alcançar
E dizer-te que tu me fazes acalmar...

O teu amargo é o reflexo da minha alma
De tanto te admirar
E nunca poder te alcançar...
Óh amargo mar.



Por Jacelena Dourado .....


quinta-feira, 11 de fevereiro de 2010

Pulseiras do quê????????


Meu Deus, fiquei simplesmente indignada e ABISMADA com essa "historinha" nada interessante de "Pulseira do Sexo"...
Isso já virou febre em várias partes do Mundo... Tudo começou em Londres, mas aqui no Brasil a onda também já pegou.... Sinceramente isso é um absurdo!!!
Cada cor significa algo (uma pior do que a outra):

Amarela –dar um abraço no rapaz;
Laranja – significa uma “dentadinha do amor”;
Roxa – já dá direito a um beijo com língua;
Cor-de-rosa – a menina tem de lhe mostrar os seios;
Vermelha – tem de lhe fazer uma lap dance;
Azul – fazer sexo oral praticado pela menina;
Verdes – são as dos chupões no pescoço;
Preta – significa fazer sexo com o rapaz que arrebentar a pulseira;
Dourada – fazer todos citados acima.

Como é que a inocentes pulseiras coloridas podem ser atribuídos tais significados??? É, quem não quer participar da "brincadeira", mas acha bonito e legal usar pulseiras coloridas é melhor ter cuidado... E por via das dúvidas....melhor não usar!!!
Que coisa mais ridícula e vulgar...


Esse texto foi produzido por Diego Emir, companheiro do Curso de Jornalismo, ele me entrevistou e o texto abaixo fala sobre mim...


Desinibida, observadora e comunicativa, são algumas características de Jacelena Dourado, acadêmica do curso de Comunicação Social da Faculdade São Luis. A opção de ser uma futura jornalista, habilitação escolhida pela mesma, vem desde pequena, quando já acionava as características fundamentais da profissão: a curiosidade e a expressão.

Jacelena, no quarto período de Jornalismo, ainda mantém a dúvida do que seguir na profissão, característica casual a praticamente todos os estudantes. Mas garante que a sua dúvida fica reduzida entre duas áreas, o terceiro setor ou jornalismo televisivo, lembrando que o segundo ela deseja apenas se “divertir” no de caráter informativo, afinal quem faz uma profissão por desejo e vontade, nunca trabalha e sim tem uma diversão garantida dia-a-dia.

Nascida na geração do “internetê” (língua utilizada por usuários de Messenger, orkut etc), da inteligência coletiva e principalmente do mundo virtual, Jacelena é usuária de novas tecnologias, como orkut, twitter, messenger e os blogues, apesar de que o mais utilizado é o último, a preferência da estudante pela ferramenta deve-se ao fato de poder avaliar sua escrita, falar do que mais tem vontade, preferencialmente temas que tenham humor e que acabam enveredando pela o mundo literário, caso dos poemas, a qual gosta muito, fora o fato de ter a intenção de deixar seus leitores mais informados.

Apesar de ainda estar engatinhando na vida acadêmica, Jacelena Dourado, sonha alto e não irá se contentar apenas com a graduação – “desejo no mínimo mestrado, mas também sonho em buscar um doutorado” – afirma a jovem estudante.

Na profissão de jornalismo, tem muita admiração por Willian Bonner, apresentador do Jornal Nacional (Rede Globo), por caracterizá-lo como um profissional de ótima capacidade apresentação do telejornal, ótimo texto e não ser apenas um ator.

Menina jovem, sonhadora, alegre, espontânea e desejosa de um futuro brilhante, é assim que é Jacelena Duarte Dourado, futura Comunicóloga, profissão que a encanta cada vez mais, deixando-a embebecida com a vontade de conseguir realizar tudo aquilo que deseja, pois como a mesma caracteriza a profissão e a sua pessoa: “o jornalismo também tem sua função cidadã, assim como todos deveriam de ter”, finaliza a futura jornalista.

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2010

Poesia do Ladrão- Best Friend!!!!!!


A pedidos...


O ladrão de hoje é diferente do de antigamente,
E até a abordagem mudou completamente!
De "passa tudo vagabundo" Mudou para
"Ei minha colega, ei, passa tudo".

O jeito calmo de falar também é novidade
Te olham com uma cara que dá até piedade!

E quando pegam suas coisas e já estão prontos pra irem embora
Dão 'tchauzinho' e caem fora!

A única coisa que não muda é a cara de pau...
Essa eu acredito que é parte do manual!!!!


Por JACELENA DOURADO 28/01/2010
Inspirada no meu assalto......hehehehhe

sexta-feira, 5 de fevereiro de 2010

Este é um trabalho feito por mim na faculdade, aproveito o espaço para divulgar minhas produções acadêmicas.Disciplina: Lab. Midia Impressa III.

Visitem o blog dele:http://diegoemir.blogspot.com/

Vida de Acadêmico... Com Diego Emir.

Diego Emir é um jovem estudante que segue o curso de Comunicação Social com habilitação em Jornalismo. Nesse contexto ele demonstra muita seriedade e dedicação. Apesar de ainda estar na metade do curso, ele já exibe características de um bom profissional, dentre elas algumas se destacam: dedicação e desempenho.

O jovem estudante traz consigo influências da família no que diz respeito ao hábito e gosto pela leitura, influência essa que o fez despertar em relação á vontade de escrever. Seu pai é jornalista, mas não foi necessariamente esse fator que fez com que Diego decidisse a carreira a qual seguir, porém ajudou em determinados pontos como o aprendizado com a convivência.

Em relação ao ramo do jornalismo a qual ele deseja seguir, ele deixa claro que sua paixão é mídia impressa com grandiosa ligação à economia e a política, mas ultimamente também o jornalismo esportivo tem lhe despertado interesse. E não pára por aí, o jovem estudante além de jornalista também será um grande cientista social. Diego mostra claramente o seu gosto e interesse pelos estudos e pesquisas. Não deixando sua modéstia de lado ele afirma que dentre seus sonhos, se tornar um grande estudioso, afinando seu lado intelectual é muito intenso.

Enfim, com todos esses aspectos, incluindo o gosto pela leitura e pela escrita, que se pode esperar de Diego Emir com tamanha dedicação e entusiasmo é fora do comum.



quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

Opa.... outra área


Certa vez fui numa casa de shows com uns amigos e amigas, detalhe: primeira vez..... conhecendo o local.... Mas sabia que havia vários ambientes e tal.
Quando cheguei lá, me amarrei, muito bom , super divertido, no primeiro ambiente era música eletrônica, Djs tocando funk e tudo misturado. No segundo ambiente, logo após subirmos as escadas havia Rock, com uma banda ao vivo-AUTORAMAS. Mas uma outra escada me chamou atenção, pois muitas pessoas subiam e desciam, estava praticamente "congestionado", então falei " ei gente, vamos subir lá, deve estar bombando". Fomos e eu toda empolgada fui na frente, no maior aperto subimos, mas quando cheguei achei estranho e percebi que tinha que voltar.... Mandei a galera descer e eles ficaram sem entender nada.... E eu toda sem graça falei " Lá é área para fumantes"!!!!
Todos começaram a rir ... E eu fiquei com cara de babaca....ehhehhe


Jacelena Dourado

sexta-feira, 22 de janeiro de 2010

Assalto!!! Passa tudo!!!!! "Vumbora"!



Você já parou para pensar na covardia que é o significado de um Assalto? É uma sensação muito ruim...você se sente invadido...violado!

Pois bem, em uma determinada vez eu me vi diante dessa situação.... Foi um tanto inusitado, mas não deixando de ser idêntica à citada acima.

Estava eu voltando da farmácia e indo para casa, isso numa quinta-feira por volta de 9:30 da manhã. Havia chovido um pouco e eu estava com um guarda chuva grande andando tranquilamente, mas meu celular tocou e eu fui achar de atendê-lo na rua- que vacilo! Falei e depois coloquei no bolso e continuei andando numa distração daquelas... Pensando na vida... E muito feliz eu estava, pois havia acabado de adquirir o celular e estava com aquele gostinho de novidade...

Mas em questão de segundos tudo mudou!!!

Faltava menos de 2 metros para que eu chegasse na minha rua e consequentemente na minha casa. Porém escutei uma voz masculina direcionada a mim: " Ei, minha colega, ei?" Daí eu virei meio que sorrindo e falei "ooii". E ele: "Eu quero só o teu celular, só isso" E eu PENSEI em poucos segundos "An? quê? Nem conheço esse doido, não vou dar o numero do meu celular pra ele não..." Mas aí , caiu a ficha, ele mostrou a arma...eu olheiiii e ví que era de verdade... entreguei o celular e falei "pode levar"!! Ele perguntou o que tinha no outro bolso e eu falei que não havia nada, só chaves e remédios... Ele falou " Entao tá". Fez a volta na bicicleta e foi-se..... Levando meu celular cor de rosa....novinho..... Eu fiquei triste demais, depois chorei horrores, mas depois agradeci a Deus porque o rapazinho lá levou algo material e deixou intacto o principal... EU!! hehwhhwhwhw

Ateh nunca mais "amigo"... Rsrsrrsrs

Jacelena Dourado